terça-feira, 27 de outubro de 2015

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

A importância da água na vida do ser humano

A importância da água na vida do ser humano
 
Todos sabem como a água é importante, sendo a segunda substância essencial para a nossa sobrevivência, uma vez que a primeira é o oxigénio.
Para terem ideia, o nosso corpo é constituído por cerca de 65% de água, sendo que ela compõe todas as células do nosso corpo, ela também é conhecida como solvente biológico universal, por essa razão todas as reações químicas do nosso organismo dependem dela.
A água transporta nutrientes e oxigénio através do sangue. Está ligada às excreções do nosso corpo, como no caso do suor (atuando na regulação da temperatura corporal) e as lágrimas, no plasma sanguíneo, nas articulações, nos sistemas respiratório, digestivo e nervoso, nas mucosas (ajudando a conservar sua lubrificação), na urina (eliminando os resíduos e substâncias tóxicas do nosso organismo, sendo que para gerar um litro de urina, os rins processam mil litros de sangue) e na pele (mantendo-a hidratada).
A quantidade de água recomendada para o bem funcionamento do nosso organismo é de 2,5 litros por dia.


  Ana Beja nº3
 Filipa Serranito nº6
9ºA
Ciências Naturais
Aurora de Sá


A água e a sua importância na alimentação

A água e a sua importância na alimentação

A água é o líquido fundamental para a vida. O corpo humano é constituído por cerca de 60 a 70% de água, o que faz dela um nutriente indispensável à saúde de qualquer indivíduo. Desta forma, o funcionamento do organismo depende bastante da água: não só distribui os nutrientes pelos diferentes órgãos do corpo, como também ajuda a regular a temperatura do mesmo, a eliminar as toxinas através da urina e da transpiração e por último, mas não menos importante, ajuda a estimular o trânsito intestinal. Sendo assim, quando há pouca água no corpo, o organismo  fica mais frágil e debilitado.
Beber muita água equilibra o organismo, fazendo com que ele fique mais resistente e funcione melhor no geral, potenciando a homeostasia. Apesar de a quantidade depender do estado do tempo, da intensidade da atividade que se realiza, do tipo de trabalho, os especialistas aconselham a ingestão de dois litros de água por dia, no mínimo.
A dose diária recomendada de água deve ser ingerida em quantidades e intervalos regulares. A sede, que é causada pela baixa quantidade de água dentro das células, diminui a eliminação deste líquido precioso e vital pelos rins e pela saliva e é um sinal do organismo que  indica que o indivíduo deve beber água.
A água exerce assim, um papel importante para a saúde, porque garante a hidratação e favorece a absorção dos nutrientes necessários ao equilíbrio. Se a água for perdida, a pele sofrerá desidratação, tornando-se favorável ao envelhecimento.
Para as crianças, a água exerce um papel fundamental no crescimento e no funcionamento do organismo, melhorando as funções dos rins, bexiga e intestino. Por isso, mantenha-se fresco(a) e não se esqueça do que realmente é indispensável e faz bem.

Tomás RP de Paiva , nº18, 9A
Ciências Naturais

quinta-feira, 15 de outubro de 2015